18 de fevereiro de 2009

Crónica do Pássaro de Corda

«Vem-se à tona quando se deve vir à tona e mergulha-se quando se deve mergulhar. Quando se vem à tona, há que procurar a torre mais alta e subir até ao cimo. Quando se mergulha, há que descobrir o poço mais fundo e descer mesmo até lá abaixo.» E agora tinha ali um poço para o que desse e viesse.


Haruki Murakami

1 comentário:

Simples Maria disse...

Vou-me afundar contigo.....no poço mais fundo que existir ou então subir à torre mais alta..para nunca mais descer!!!