6 de março de 2009

Consciência I

Gosto de molhar bolachas Maria no leite.
Beber café sem açúcar, porque só assim ele é verdadeiro!
Groselha. Chocolate. Natas com açúcar. Morangos.
Comer uvas e cuspir os caroços.

Desenhar.
Gosto de sentir a chuva na cara.
Ver os raios de sol a imporem-se ao céu escuro e nublado.
Um dia intenso de praia. O final do dia depois desse dia.
Mergulhar num mar calmo e sentir o cabelo a mergulhar comigo.
Secar o corpo ao sol.
Adoro arrepiar-me.

Noites quentes no verão.
Dormir com tops minúsculos e boxeres igualmente minúsculos e imaginar que a lua contorna o meu corpo.
Sentir-me desejada.
Gosto de acordar pela manhã, quando os raios de sol entram suavemente pelos estores.
Espreguiçar-me! Pensar que tenho mais um dia pela frente.
Sensação de missão cumprida. Bem cumprida.
Ter consciência que falhei.

Andar na praia.
Sentir um vestido colado ao corpo empurrado pelo vento.
Abrir os braços. Sonhar. Aceitar a vida.
Revoltar-me por vezes.

Correntes de ar na minha casa.
Recordar as correntes de ar, da única casa que foi nossa.
Baloiçar em camas de rede. Olhar para os meus pés.
Fazer posses ao espelho.
Fazer cócegas.
Sonhar acordada.
Voar no tempo da minha vida, de todos os momentos que fui feliz.

Aprender com alguém.
Encontrar…Reencontrar.
Recordar.
Recordar a minha infância. Quem amo desesperadamente.
Sentir saudades. Sentir muitas saudades. Perceber que alguém me tatuou o coração. Sentir que há pessoas que me correm no sangue.
Recomeçar (porque sei que vale a pena).
Estar apaixonada.
Amar.
Amar-me.
Sentir-me com 16 anos. Saber que sou cada vez mais mulher.

Sentir que alguém fez parte das minhas vidas da minha existência.
Sentir que tenho algum tipo de poder. Sentir que alguém me vê assim.
Ver-me através de outros olhos.
Sentir que pertenço para sempre a alguém. Sentir que alguém me pertence.
Olhar nos olhos.
Sentir que consigo perceber os meus medos. Mesmo quando não os consigo ultrapassar.
Ser eu mesma.

9 comentários:

Lady disse...

tão bom...

será que querm cresce naquela margem quer ser eternamente adolescente?

Coisa Boa disse...

Sim...Sem dúvida!
(Queria muito ser eternamente adolescente...Só que nem sempre consigo!)

La sevilhana disse...

Tal como eu, amas a VIDA!

Bj

Anis disse...

Que bonito Patrícia, gosto de ler e de te ver para cima, força amiga!!! Beijinhos

Simples Maria disse...

Escreves de uma maneira tão profunda que às vezes assustas-me!!!

Coisa Boa disse...

Ó miga...não é caso para tanto!!!...

AnaT disse...

Mto bonito este teu sentir e gostar! Sê Feliz!

lcorreia disse...

vou ter que falar muito a sério ctg... lol

Coisa Boa disse...

Porquê????....